O que vestir na hora de praticar exercícios físicos?


Férias, inverno, cama, chocolate... E resultados não muito agradáveis. Uma gordurinha ali, uma acolá, e quando a gente vai ver, pronto, não estamos mais do jeito que antes. Todas nós mulheres sabemos o quanto isso é triste, porém, é a realidade, mas, tudo tem solução.

Posso dizer que passei (ou estou passando) por esse período de "gordurinhas indesejáveis", e estou agora, depois de muitos cachorros quentes e refrigerante, correndo atrás do prejuízo. Mas, não é porque estamos indo malhar, correr, praticar algum esporte, que precisamos ir igual um "bagulho" com o pensamento de que vamos sair de lá com um péssimo odor e suadas -para não dizer 'fedendo'-. 
Então, separei algumas peças para você se inspirar e ter outros olhos na hora de escolher seu look. Sem falar que o ânimo vai a mil vestida assim !

Top:
tops

                                              

Short: 
academia



Cropped: 
Cropped

Calça Capri:
calças capri

Tênis Esportivo:
tennis

Lembre-se sempre de procurar um profissional antes de praticar qualquer exercício!
Beijos!

Relacionamento - Qual o tipo de pessoa que você quer namorar?


Sempre buscamos 'o amor que nos completa', mas você sabe como você quer que realmente esse seu amor seja? Esse é grande passo para depois não se decepcionar e soltar aquela frase "ele (ela) não presta, he (she) breaks my heart </3"

Antes de começar a ler esse texto, recomendo que leia o anterior aqui

Depois de você ter lido o post anterior e ter descoberto qual o tipo de namoro que você quer para a sua vida, vem outro assunto que também é muito necessário, o qual tipo de pessoa que você quer ao seu lado. 

Esse é um assunto muito complicado, pois vem acompanhado daquela outra questão, e não sei qual você escolheu. Mas tudo bem, vou tentar buscar um pouco de tudo, começando pelo meu olhar. 

Como eu havia dito, eu tinha um olhar muito ridículo e obscuro para a palavra 'namoro', e só com o tempo fui mudando isso, depois de umas boas porradas na cabeça. Então, isso quer dizer que hoje tenho um novo olhar, mais amadurecido, e até mais amável.

Eu sou uma pessoa muito sozinha. Não tenho ninguém para conversar na maioria das vezes, não tenho com quem dividir experiências e nem para ir visitar naquele finalzinho da tarde o qual tenho nada para fazer. Então resumindo: busco sempre uma companhia. 
Companheirismo é uma das qualidades que eu mais procuro em uma pessoa, porém não é uma coisa muito fácil de se descobrir se ela é ou não enquanto a gente se conhece. Mas muitas vezes dá para se descobrir na conversa e no seu jeito de agir. Aliás, companheirismo não é apenas o caso de ficar apenas no love, e sim também conversar, ajudar, ser parceiro um ao outro, nem que seja apenas para conversarem sobre "como foi seu dia"

Adoro fazer os outros darem aquele sorriso gostoso, de sem graça. Gosto de animar as pessoas, de conseguir tirar aquela felicidade de dentro delas. Mas além de tudo, gosto que façam isso por mim também. 
Não tem coisa mais gostosa do que uma pessoa estar ali para te animar, para te ver feliz e você ainda poder recompensa-la do mesmo jeito. Então é uma das coisas que eu mais preso em uma pessoa. Um bom humor é sempre necessário, ainda mais se você for assim também.

Eu sou uma pessoa muito quieta. Não sou nada chegada a ir a balada, festas, e nem nada disso. Gosto de ficar em casa vendo um filme, ou melhor, minhas séries prediletas. E se for para sair, que seja para um lugar bem calmo, aonde não tenha tantas pessoas.

E o que há de melhor do que conversar com pessoas cultas? Seja qual assunto for, se ela souber sobre o assunto, a conversa dura e muito, mesmo que você não saiba tanto assim.
Pessoas inteligentes sempre são atraentes, fazem você prestar a atenção nelas durante horas, porém, é sempre bom você ser integrada em um assunto que goste. 

Bem, essas são algumas -ALGUMAS- das qualidades que prezo em homens:

  • Companheirismo
  • Bom Humor
  • Caseiro
  • Inteligência
Você com certeza tem gostos diferentes ao meu, um olhar diferente, mas isso só foi um exemplo para você. O que eu recomendo que faça: Pegue um papel e anote como você é e as coisas que você gosta de fazer, como eu fiz ali em cima. Com isso, você vai ver como você quer que seu namoro seja mais ou menos também, se você quiser que ele seja da mesma vibe que você.

Mas antes de tudo lembre-se: Todos tem suas qualidades e seus defeitos. Você pode achar uma dessas qualidades na pessoa e outra não, mas não é por isso que você terá que deixa-lo de lado. Qualidades devem suprir os defeitos, se não você não aguentará viver com essa pessoa no lado. Ame os defeitos e as qualidades, ou melhor admire as qualidades e esqueça os defeitos. E se estiver incomodando demais, sente e converse, é o melhor a fazer. 

Nem tudo, e nem todos, é do jeito que gostaríamos que fosse, infelizmente. 

Espero que essa nova tag esteja ajudando a vocês. Logo venho com mais assuntos sobre esse mistério chamado Relacionamento. 

Se estiverem opiniões, quiserem conversar e receber algumas dicas, ou apenas me contar a história de vocês, só mandar um email para blogrobertadisse@hotmail.com, ou ir em Contato. Eu amo ouvir vocês, principalmente histórias assim! E podem deixar, se não quiserem, ninguém saberá. 

Ei, querem outras dicas de relacionamento também? Visitem o blog da Lully de Verdade!

Beijos e até a próxima!




Relacionamento - Você sabe o verdadeiro significado da palavra 'namoro'?


Hoje vou retratar de um assunto meio complicado que acho que todos deveriam saber, ou melhor, ler, antes de começar qualquer relacionamento.

Acho que as pessoas tem um pouco de preconceito a mim por tão nova abordar assuntos que mal pessoas de 20 anos conseguem falar. Tudo bem, eu entendo. Por mais que isso me incomode tanto, acho que se eu visse uma pessoa de 14 anos -como eu- falando sobre relacionamento, eu não levaria tanto a serio assim, e ainda teria aquele pensamento machista "mal saiu das fraldas e já esta querendo falar sobre o fazer e o que não fazer em um relacionamento". Porém, depois que eu vi que eu tenho a capacidade de falar sobre isso, mesmo nova, qualquer um que tenha dito as mesmas experiências que eu pode falar. 
Só faço um pedido, esqueça que sou nova e leve muito a sério o que eu digo. Posso ser nova, mas também posso ter passado por certas coisas que você ainda não vivenciou. 

Eu ando meio vidrada em vídeos de YouTube e tudo mais, até que encontrei um blog aonde os posts são em vídeo. Eu a descobri pelo blog Depois dos Quinze, aonde ela é colaboradora da categoria Comportamento. O nome dela é Luisa Clasen, dona do blog e canal Luly de Verdade, aonde ela fala muito sobre relacionamentos, sexo e etc e tal. 

Estou passando por uma fase meio complicado na vida de qualquer um, seja para um adolescente, adulto, idoso, a fase do término de um namoro. E para piorar, daquele famoso 'Primeiro Amor'. 

Foi um namoro de 2 anos e 1 mês que ainda sinto muita saudade, e em certas situações a falta. Meu primeiro namorado, meu melhor amigo, meu maior conselheiro, meu companheiro. Uma das melhores pessoas que eu conheci na minha vida, e que não irei esquecer. 

Sabendo sobre o tempo de duração e tudo mais, da para perceber o quanto durou, por quanta coisa vivi e o quanto ainda sinto. Não sou dessas que guarda rancor de brigas, discussões e tudo mais, apenas levo tudo como aprendizado, e é isso que venho trazer para vocês hoje. 

Meu relacionamento foi muito mais que apenas um namoro juvenil, o qual sempre nos encontrávamos de alguma forma em nossas vidas. Foram 1001 coincidências que seguiram a gente desde quando éramos pequenos, o que faz com que eu acredite até hoje que tudo isso não acabou assim, mas isso são outros 500 que não merecem ser ditos agora. Mas de uma coisa eu tenho certeza, mesmo que a gente não volte um dia, eu tive ótimos aprendizados, aliás, o primeiro namoro é aquele que você tem todo o direito de errar, aprender e não cometer mais.

Tudo começou quando eu era muito jovem, com 11 anos -sim, 11 anos-. Na verdade, começou antes, bem antes, mas tudo ficou certo nessa idade. Sempre fui aquela pessoa que mesmo nova achava que era matura ao bastante, tipo aquelas "já sei beijar na boca, já posso namorar". 

Sempre tive um olhar para o assunto 'namoro' muito ridículo. Coitada de mim, pra falar a verdade eu não sabia o verdadeiro significado dessa palavra, como muitas até hoje não sabem, mas pode deixar, eu explico. 

Significado de Namorar - ser companheiro, cuidar, cortejar, se unificar, e além de tudo, amar. Ser amigo, ser seu braço direito, ser conselheiro. 

Quem sou eu na fila do pão francês para dizer que o errado é você que acha que namorar é apenas beijo para cá, beijo acolá. Porém, se você sonha em ter um amor, ter uma vida amorosa direita, um companheiro para as horas ruins, e para as horas boas, lamento lhe informar, você está SIM errado. 

Antes de você buscar tanto a sua famosa 'alma gêmea' reflita muito. 

Um namoro não é só feito de momentos bonitos e românticos. É feito também de muitas dores de cabeça e brigas, ainda mais se você realmente ama a pessoa e quer ter momentos felizes e um relacionamento conchegável. Você muitas vezes tem de a deixar coisas de lado, amigos e tudo mais. Tem que deixar aquela festa que só você foi convidada porque seu namorado não foi. Do mesmo jeito que você vai querer que seu namorado deixe de ir ao futebol no domingo para vocês almoçarem na casa daquela sua avó lá do interior. 

Não vou virar para você e dizer que concordo com tudo isso, pois seria mentira, mas infelizmente, ou até felizmente é a realidade. Ainda mais se você quiser evitar brigas, e discussões, e até mesmo a perda da pessoa que você tanto ama. 

Eu fui capaz de deixar amizades, e festas, e reuniões entre amigos, tudo por uma pessoa. Me arrependo? Não. Valeram muito apena, e se eu pudesse eu faria de novo tudo isso, dependendo de com quem eu estivesse, e se ele faria o mesmo por mim. 

Isso pode ser errado, de querer que façam por você a mesma coisa que você fez por eles. Na verdade, isso é errado, por isso que é necessário vocês sentarem e conversarem sobre esse assunto, se concordam ou não de deixarem certos happy hours de lado para passarem momentos juntos. 

Mas leem bem o que eu falei o que eu falei mais acima, CERTOS happy hours, não todos eles. Todos precisam de um momento com si só, ou com seus próprios amigos. Precisam se socializar também, e não se excluir do mundo só por causa de seu, ou sua, namorado (a). E se em todas as vezes que vocês saírem separados, por não frequentarem os mesmos grupos, der problema, busquem juntar esses grupos. Busquem conhecer uns aos outros e fazer com que os outros se conheçam também. Haverá menas brigas e mais momentos maravilhosos. 

E outra coisa muito importante! Se você dança, malha, pratica algum tipo de esporte e tudo mais que seu namorado não aceite muito, por tais motivos como: roupas indecentes aos olhares dele, lugares com muitos homens, muita gente olhando e etc, deixe bem claro que aquilo é o que você gosta e que não tem nada haver ele ter esses tipos de pensamento machista. E se você conhecer alguém que tenha um namorado (a) que já tenha sido assim, converse com esse alguém e marque para os dois casais saírem juntos. Vocês vão trocar experiências e pode ser que toda essa 'neura' passe com a conversa de ambos os casais. 
E se nada der certo, mesmo com muitas conversas e tudo mais, pense muito bem antes de tomar uma atitude. Se aquilo for apenas um hobby para você, e o seu namoro vale mais do que aquilo, dar uma pausa na atividade pode ser uma boa escolha, mas se o que você faz é a sua vida, não pare. Uma coisa que eu ouvi esses dias de uma pessoa muito especial foi que não podemos deixar de sermos nós por causa das neuras das pessoas, e ela tinha razão. Mas claro, devemos saber maneirar as coisas, aliás, você não vai cumprimentar o padeiro do mesmo jeito como você cumprimentava quando não namorava -espero que você tenha entendido o que eu quis dizer, se não, só deixar nos comentários-. 

O post acabou servindo não só para as pessoas que pensam em namorar, mas sim as que já estão também. Mas voltando ao foco ...

Se você pensa em namorar, reflita depois de tudo isso aqui. Não é para você desistir e tudo mais, não mesmo, mas sim para você ver qual tipo de relacionamento você quer levar, e se o seu futuro parceiro irá querer levar da mesma forma que você.

O post ficou muito grande, porém levarei esse assunto a diante. Logo voltarei com mais assunto polêmicos para vocês sobre relacionamento.

Deixem suas opiniões abaixo, e se quiser contar mais sobre as histórias de vocês, eu amaria ouvir. Não serão publicadas no blog, se vocês não quiserem, e nem explanadas para ninguém. Só mandar email para blogrobertadisse@hotmail.com, ou ir na página de Contato

Antes de tudo, vejam esse vídeo, que amor!


Até a próxima!

Maquiando - Pele Mate (Opaca)


Você é daquelas meninas que faz coleções de revista? Se sim, você vai saber do que vou falar. Se não, você com certeza deve de vez em quando buscar saber um pouco sobre o que está acontecendo no mundo da moda. Se eu estiver certa, eu espero que sim, você já deve ter percebido algo de diferente nas makes das famosas e modelos por aí. Se não, não se preocupe, te explicarei a mudança que teve. 

De uns meses para cá voltou uma tendência que não se via há muito tempo, que é a pele mate. Aquela pele opaca, sem nenhum iluminador. 

Bem, eu sempre fui contra aquelas peles que iluminadas demais. Muitas vezes ficam com um aspecto de pele oleosa ou algo do tipo, então sempre me incomodou ver aquilo. 
Mas, graças ao sucesso do novo visual da pele 'aveludada', o brilho excessivo não voltará nem tão cedo. 

Para fazer uma pele mate, fosca, na sua make, é só passar após a base e o corretivo, pó, com um pincel grande e macio, com movimentos suaves.
Se você já tem pó na sua casa antigo, recomendo que compre um novo. Eles foram atualizados recentemente, proporcionando uma textura finíssima, e acabamento perfeito, deixando a pele com um ar saudável, com frescor e leveza.

Comprando

Pincéis Finalizadores






Pós 





Inspire-se






Beijos, até a próxima!